Philippe Quesne

La Nuit des Taupes (Welcome to Caveland!)

Num espaço que lembra simultaneamente uma gruta pré-histórica, um abrigo antiatómico e a caverna de Platão, os espectadores serão mergulhados num mundo alegórico, povoado por uma família de toupeiras gigantes, um bestiário fantástico e figuras pertencentes a um universo subterrâneo.

Através desta viagem debaixo da terra, escreve-se um “teatro ecosófico” onde a perspetiva humana é contrabalançada pelas do inorgânico e do animal, do vivo e do mineral. Reatando com as grandes narrativas da antecipação, La nuit des taupes (Welcome to Ca- veland!) faz do teatro um lugar de vida utópica, onde a fantasia não se distingue do despertar das consciências e tenta encontrar as raízes profundas de um imaginário poético coletivo, impregnado de mitos filosóficos.

Fundador da companhia Vivarium Studio, Philippe Quesne é director do Nanterre-Amandier. A sua criação Big Bang foi apresentada na Culturgest no Alkantara Festival em 2012.

FICHA TÉCNICA

Conceção, encenação, cenografia Philippe Quesne
Com Yvan Clédat, Jean-Charles Dumay, Léo Gobin, Erwan Ha Kyoon Larcher, Sébastien Jacobs, Thomas Suire, Gaëtan Vouurc’m
Figurinos Corine Petitpierre
Colaborações dramatúrgicas Lancelot Hamelin, Ismael Jude, Smaranda Olcese
Criação musical Em preparação
Assistente de cenografia Elodie Dauguet
Equipa técnica em digressão
Direção de cena Marc Chevillon
Operação de luz Thomas Laigle
Chefe maquinista Joachim Fosset
Construção de cenário Ateliers de Nanterre-Amandiers: Philippe Binard, Jérôme Chrétien, Jean-Pierre Druelle, Marie Maresca
Produção Nanterre-Amandiers – centre dramatique national Apoio Fondation d’entreprise Hermès no âmbito do programa New Settings
Coprodução Steirischer herbst (Austria), Kunstenfestivaldesarts (Bélgica), Théâtre Vidy-Lausanne (Suiça), La Filature – Scène nationale, Mulhouse, Künstlerhaus Mousonturm (Alemanha), Théâtre National de Bordeaux Aquitaine, Kaaitheatre (Bélgica), Centre d’art Le Parvis à Tarbes
Com a participação de Groupe de recherche Behavioral Objects – coordenação: Samuel Bianchini, da Ecole Nationale Supérieure d’Architecture de Paris – Malaquais AAP (Art, Architecture, Politique), Atelier Jordi Colomer
Estreia maio 2016 no Kaaitheater (Bruxelas) no âmbito do Kunstenfestivaldesarts

Com o apoio Institut Français e Institut Français Portugal / Embaixada da França em Portugal

Com o apoio NXTSTP / Programa Cultura da União Europeia

© Photo Martin Argyroglo

ESTREIA NACIONAL

Culturgest

Grande Auditório

TER 7 e QUA 8 JUNHO - 21H30

duração 90min

M12

15€


Outros eventos